Textos

Quase 18.


      É eu já estou chegando lá,enfim 18 enfim liberdade, enfim autonomia, enfim carteira de motorista, tudo o que eu sempre quis, tudo pelo qual eu reclamei durante toda a adolescência finalmente... 
      Vai ser tudo diferente, nada de pedir permissão, nada de bronca, nada de hora pra chegar, nossa vai ser incrível, eu já posso até imaginar como vai ser legal.
     Seria legal se só houvesse o lado bom infelizmente não é bem assim que funciona, primeiro como ter liberdade se nem emprego eu tenho? e ainda moro na casa da minha mãe! e o pior eu nem se quer sei cozinhar eu acho que morreria de fome, depois pra que carteira sem carro? eu duvido minha mãe me dar o dela e eu duvido que daqui a um ano eu tenha grana pra ter um carro.
      As coisas não são tão fáceis assim, não é porque posso que tenho, não é porque já tenho idade que vou conseguir tudo o que eu quero, é preciso mais, muito mais que isso, é preciso antes de tudo maturidade, e responsabilidade, primeiro é preciso crescer depois ser adulto, e eu não sei o que é isso e por isso me assusto de vez em quando será que eu já sou madura o suficiente? afinal já tenho quase 18.
a boneca do texto foi feita aki   







NÃO IMPORTA

                                            
       Pra mim a sua opinião tanto faz, que fique claro que eu não me importo, afinal é só você e eu não ligo pra "você", eu sou superior a tudo que vem de você .Eu só me importo com você a noite quando estou só no meu quarto com a cabeça colada ao travesseiro, com meu pijama da pantera cor de rosa com meu fone no ouvido, quando eu estou com varias pessoas e vejo seu rosto no lugar do delas, quanto eu tô comendo a sua comida favorita, ou quando a droga daquela musica toca no radio.  É involuntário, não depende de mim, eu não sei por que mais você ficou preso aqui dentro e eu não consigo mais me livrar, e esse cheiro que não desgruda do meu cabelo? como é irritante mais eu não consigo fazer ele desaparecer eu não consigo fazer você desaparecer, e isso me angustia, mais é claro eu ainda não me importo com você. E me importo menos ainda quando eu te vejo, quando seus imensos olhos castanhos atravessam o meu corpo e veem alem de mim eu não me importo quando você sorri e faz tudo o que tem brilho apagar, eu não importo nem mesmo enquanto estou aqui feito boba escrevendo tudo o que me faz lembrar de você todas as horas do meu dia afinal é só você e eu não me importo.


Sobre o que eu acredito.

                                                                             


Eu acredito que o que eu quero de verdade pode acontecer, e eu acredito que tudo são metas, eu também acredito que eu não sonho meus sonhos sozinha tem que ter alguém comigo sempre pra me resguardar quando tudo vira pesadelo, eu também acredito que as mudanças não param de acontecer quando você tem medo delas.
Sabe o que mais eu acredito? que a minha vida não precisa seguir linha reta, pode ter curvas e esquinas onde eu possa parar de vez em quando e conversar com alguém, e eu acredito que talvez, só talvez tenha alguém em algumas dessas esquinas em alguma das curvas da minha vida que queira dividir seu caminho comigo.
Mais eu também acredito na minha total incongruência e então eu posso simplesmente tomar uma dessas esquinas por ai e seguir por ela, talvez eu bata em alguma dessas portas, e encontre um lar.
mais acima de tudo eu acredito em mim e na fé que eu tenho pra realizar meus planos, minhas metas, meus sonhos!